SISMMAR cobra Prefeitura pela garantia do novo piso para ACE e ACS filiadas

Após intensa mobilização da categoria em todo o Brasil, veto prejudicial do presidente Jair Bolsonaro que barrava o reajuste e a derrubada do veto pelo Congresso, SISMMAR cobra que Prefeitura garanta os novos salários para os servidores; após notificação do sindicato, Prefeitura garante que pedido será acatado

Em nova reunião, direção do SISMMAR cobrou uma devolutiva da Prefeitura sobre a garantia do novo piso para ACE e ACS filiadas; Prefeitura irá acatar o pedido – Foto: Matheus Gomes

Diante da derrubada do veto presidencial, realizada pelo Congresso Nacional no final de dezembro, a direção sindical protocolou no começo deste mês um requerimento, junto à Prefeitura, cobrando a garantia e o cumprimento do novo piso salarial para Agentes de Combate à Endemias (ACE) e Agentes Comunitários de Saúde (ACS) filiadas ao SISMMAR. Na manhã desta quinta-feira (20), o SISMMAR visitou novamente a Prefeitura para cobrar uma devolutiva por parte da gestão municipal.

Luta pelo reajuste

No segundo semestre de 2021, após intensa mobilização e luta da categoria em todo o Brasil, a proposta de reajuste do piso salarial foi aprovada no parlamento, por meio da Lei 14.194/21. Entretanto, jogando contra os interesses e direitos dos trabalhadores, o presidente Jair Bolsonaro vetou a medida, fato que prejudicaria os mais de 320 mil ACS e ACE de todo o Brasil. Ainda de forma mobilizada e com pressão no congresso, os deputados e senadores discordaram de Bolsonaro, derrubaram o veto presidencial e garantiram o reajuste de 12,90% para a categoria.

Ações do SISMMAR

Frente a esta vitória, o SISMMAR aciona a Prefeitura como forma exigir o pagamento referente ao novo piso de R$ 1.750,00 já a partir de fevereiro, com retroativo de janeiro, de acordo com o texto da Lei. Durante a conversa desta manhã com o chefe de gabinete, Domingos Trevizan, a direção sindical pediu uma devolutiva oficial sobre o pedido do SISMMAR para garantir os novos valores da forma mais rápida possível. Trevizan informou que a Prefeitura irá acatar o pedido para contemplar as ACE e ACS que são filiadas e irá realizar os devidos encaminhamentos.

O SISMMAR, enquanto entidade que representa as categorias, reforça a necessidade de todas e todos estarem organizados e em atuação direta com o sindicato. A partir da atuação coletiva e unificada, as reivindicações ganham força para avançar na Prefeitura e resultar em melhores condições de trabalho e na valorização dos servidores e servidoras.

Servidora Valdice Pompanin, liderança das ACE’s em Maringá, participou de reunião com a direção do SISMMAR no dia 7 de janeiro para discutir sobre o novo piso para a categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*