Correto seria ter menos auxiliares e mais técnicos

.
Das 438 novas vagas anunciadas pela administração – e aprovadas pela Câmara Municipal -, 100 são para o recém-criado cargo de Técnico de Enfermagem e outras 100 ampliarão para 469 o número de auxiliares de Enfermagem (com salário inferior).

O SISMMAR entende que todas essas 200 contratações deveriam ser para o cargo de Técnico de Enfermagem, pois muitas das auxiliares de Enfermagem, hoje, já exercem a função equivalente a de um técnico.

Infográfico publicado pelo jornal O Diário em 19/09/2011
(clique para ampliar)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*