Falha da Mesa Diretora do CMS quase impede ida de suplentes para conferência

O secretário de saúde voltou atrás e concordou em assumir as diárias dos suplentes usuários na Conferência Estadual de Saúde. E não foi por bondade. O secretário cumpriu com o que havia sido deliberado na Conferência Municipal de Saúde somente depois de ser pressionado pela diretoria do SISMMAR.

Diante da recusa inicial da administração, cabia à Mesa Diretora do Conselho Municipal de Saúde (CMS) o papel de garantir a execução do que foi deliberado na conferência municipal. Como a Mesa Diretora nada fez pelos suplentes usuários – curvando-se diante da vontade da administração -,a presidente do SISMMAR, Solange Marega, tomou a libertade de agir para assegurar os direitos dos suplentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*