Estudo do Dieese revela situação das mulheres no serviço público municipal

Análise produzida pela Subseção do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), instalada na Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce), mostra as condições das mulheres que se organizam nos postos de trabalho do serviço público municipal do Estado do Ceará. O destaque é para a disparidade de gênero e raça.

O levantamento traz o cruzamento de dados do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o levantamento, em 2000 havia um número maior de mulheres brancas nos postos de trabalho do funcionalismo público municipal do Ceará, assim como a média salarial das mulheres brancas é maior que a de negras (pardas e pretas).

Brancas ganham 18% a mais que negras. Em 2010, a diferença diminuiu, pois houve o crescimento de 23,4% de ingresso de mulheres pardas comparado com dados de 2000. Leia mais no blog do Sismune.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*