Assembleia de professores municipais de Curitiba decide deflagrar greve

Na maior assembleia dos últimos 10 anos, o magistério municipal de Curitiba decidiu, por unanimidade, deflagrar greve a partir desta quarta-feira (14). Essa foi a vontade expressa pelos 1.060 professores e professoras que participaram da assembleia e confirmam sua disposição de lutar por melhores condições de trabalho e valorização salarial!

Abaixo mensagem do Sismac:

“Deixaremos as salas de aulas e iremos às ruas mostrar nossa indignação, mas não vamos parar de educar! É hora de ensinar aos políticos e à sociedade a importância do trabalho do professor e de fazermos história na nossa categoria com uma verdadeira lição de organização e de luta por direitos”.

A greve começará com passeata, às 8h30, da Praça Santos Andrade a sede da Prefeitura. Depois do almoço, professores permanecerão em vigília. Às 16h se reunirão novamente em assembleia para avaliar a continuidade do movimento.Leia mais sobre a greve dos professores municipais de Curitiba no site do Sismac.

Na quinta-feira (15), os servidores(as) municipais de Maringá também terão assembleia para tratar da Campanha Salarial 2012. O SISMMAR entende que o exemplo dos professores(as) de Curitiba, que compareceram em peso à assembleia, deve ser seguido para garantir avanços. Participe!

JUNTOS SOMOS FORTES.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*