Administração Barros ‘dá um tempo’ antes de demitir servidora com sequela

Conforme previsão do SISMMAR, feita há quase um ano, a servidora Norma Dias Medeiros foi demitida. Ela ficou com sequelas no ombro, decorrente de lesão por falta de assistência do Sama. A administração municipal esperou a “poeira” baixar antes de pôr a servidora no olho da rua.

Norma: mandada embora
depois de ficar com
sequela no ombro

Na época em que Norma ficou sem a devida assistência do Sama, o SISMMAR alertou as secretarias de Administração e da Saúde sobre o problema, mas nada foi feito em prol da trabalhadora. A administração Barros preferiu se livrar da servidora que, agora, fica sem emprego e com restrições de movimento para o resto da vida.

A administração abandonou a servidora, mas a postura do SISMMAR nesse caso será completamente oposta. O sindicato vai entrar com uma ação por danos morais, para que Norma seja indenizada pela falta, primeiro, pela falta de assistência do Sama; segundo, pelo descaso do atual governo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*