Prefeitura inicia transporte de bens do município para local desprotegido

O SISMMAR vem tornar pública sua indignação pelas atitudes tomadas recentemente pela administração Barros. E nesta terça-feira (14) surge outra notícia que merece toda atenção do sindicato.

Segundo informações de vários servidores, a prefeitura fará a remoção de bens patrimoniais (móveis, equipamentos, etc) do Almoxarifado Central para o antigo prédio do IBC (próximo à Shell). De acordo com os trabalhadores, o local escolhido, além de afastado, não tem iluminação adequada e carece de segurança.

O lugar escolhido para abrigar bens do município será cuidado apenas por um guarda municipal (patrimonial), que não conta com equipamento mínimo de segurança e não recebe “risco de vida” para realizar a atividade. Num eventual assalto, nada poderia fazer em defesa dos bens públicos.

Os funcionários, que receberam ordens da chefia para transportar os referidos mobiliários e equipamentos, informaram ao SISMMAR que estão cumprindo o que foi ordenado. Entretanto, eles temem o que pode acontecer em função do local ser desprotegido.

Nesta administração, há o meu hábito de penalizar o servidor de carreira quando algo sai errado. Basta ver o que aconteceu no caso da trituração de livros da Biblioteca Municipal. E com os bens do município, o que vai acontecer se sumirem bens do antigo prédio do IBC? Vai sobrar também para os servidores?

Dirigentes do SISMMAR estarão no local, orientando os servidores a fazer um controle paralelo dos bens transportados para o antigo prédio do IBC. O sindicato não aceitará punições aos servidores por conta da irresponsabilidade das chefias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*