Comas divulga nota quanto aos trabalhadores demitidos após manifesto

Na reunião do Comas em novembro, na sala de reuniões do gabinete do prefeito, um grupo de trabalhadores reivindicou melhorias na estrutura física do Centro de Referência à População em Situação de Rua de Maringá (Creas-Pop Maringá). O resultado da cobrança por melhores condições de trabalho: duas demissões.

O SISMMAR, que ocupa duas cadeiras no Comas, vem por meio de seu blog demonstrar sua indignação quanto a essa atitude antidemocrática das chefias. Solidário a esses trabalhadores, o SISMMAR ajuda a divulgar a nota do Comas sobre mais esse abuso de poder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*