Presença de CCs às 6h30 da manhã marca plenária da Semusp

Conforme convocação feita na manhã anterior, dirigentes do SISMMAR estiveram na Semusp nesta quinta-feira (21), às 6 horas, antes do início do expediente, para deliberar ações para melhorar as condições de trabalho dos servidores da categoria. Um bom número de trabalhadores marcou presença na plenária.

(.)(.)
Logo na chegada, o SISMMAR foi informado de que as chefias haviam pressionado os trabalhadores a não participar da plenária. Segundo alguns servidores, as chefias teriam dito que os dirigentes sindicais estariam lá para impedir a saída dos caminhões, desvirtuando o verdadeiro motivo da plenária: a luta pela valorização da categoria.

Não é de hoje que na administração há chefias que, em práticas antissindicais, tentam impedir ou atrapalhar o legítimo trabalho do SISMMAR. Contudo, o sindicato não se deixa intimidar por pressões desse tipo nem por ameaças.

Dirigentes do SISMMAR permaneceram diante da Semusp e, do lado de fora dos portões, tiraram importantes deliberações com os trabalhadores. Ficou definido que o sindicato vai:

– Solicitar reunião com o secretário da Semusp para buscar avanços;
– Elaborar relatório apresentando as condições precárias de trabalho na Semusp;
– Protocolar esse relatório na Prefeitura (só para oficializar, pois Pupin já deve ter dessa situação);
– Tornar público esse relatório, que vai conter as lutas históricas da categoria, com demandas ainda não resolvidas;
– Solicitar ao Ministério Público que apure a morte do servidor da Semusp.

Vale ressaltar a postura digna dos trabalhadores que, mesmo sob intimidação, permaneceram próximo ao portão para participar da plenária. Chefias que, normalmente não chegam à Semusp antes das 8 horas da manhã, por conta da plenária, estavam lá de plantão desde as 6 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*